Vídeo

Vídeo de apresentação

Despacho de Abertura Propinas Regime: Ensino a distância, online Língua de Ensino: Português

Ao adoptar uma abordagem multidisciplinar, este mestrado pretende capacitar os participantes para intervir nas actividades de transformação, distribuição e consumo; liderar ações voltadas à mudança de atitudes e comportamentos com vistas a práticas de consumo alimentar saudável; e participar dos processos de criação, desenvolvimento e implantação de novos produtos. Você sabia que nossas escolhas alimentares têm impacto na sustentabilidade do planeta? Saiba mais sobre esta licenciatura, que conta com o apoio da FAO Portugal e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Condições de acesso:‎

a) Titulares do grau de licenciado ou equivalente legal, em qualquer área do saber, privilegiando se o grau de licenciado em Ciências da Nutrição, Ciências de Engenharia (Perfis em Eng.ª Alimentar ou em Eng.ª Agronómica), Ciências Agrárias, Dietética, Engenharia Alimentar, Biologia, Bioquímica, Farmácia e afins, bem como de outros cursos das áreas das Ciências Exatas, Ciências da Saúde, Ciências da Vida;

b) Titulares de um grau académico superior obtido no estrangeiro que haja sido conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este processo;

c) Titulares de um grau académico superior obtido no estrangeiro que seja reconhecido, pelo Conselho Científico da UAb, como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado;

d) Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que tenha sido reconhecido, pelo Conselho Científico da UAb, como satisfazendo os objetivos e as capacidades necessárias para realização deste ciclo de estudos.

O regime de ensino é misto (online com momentos presenciais).‎

‎Este mestrado é reconhecido para progressão na carreira docente dos grupos 230 e 520 do 2º ciclo da educação básica, e do 3º ciclo da educação básica e do ensino médio (de acordo com o artigo 54 da ECD).‎

O MCCA conta com uma Comissão de Aconselhamento composta pelos seguintes elementos:

• Coordenação do MCCA;

• Professor Xavier Medina, Universitat Oberta de Catalunya (UOC);

• Mestre Pedro Queiroz, Diretor-geral da Federação das Indústrias Portuguesas Agro-Alimentares (FIPA);

• Dr. Bruno Faria, Diretor da Revista Grande Consumo;

• Francesco Montanari, representante dos Mestres em Ciências do Consumo Alimentar, Universidade Aberta;

• Representante dos estudantes do Mestrado em Ciências do Consumo Alimentar, Universidade Aberta.

No presente momento, indica-se como representante dos estudantes do Mestrado em Ciências do Consumo Alimentar, da Universidade Aberta: Margarida Silva.

FAO- Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura

Mecanismo de Facilitação da Participação das Universidades no Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional da CPLP (MU-CONSAN-CPLP)

Bibliotecas da Universidade Aberta são FAO Depository Libraries, https://www.fao.org/publications/fao-depository-libraries/en/#c211598

 

Estrutura Curricular:

O curso de mestrado em Ciências do Consumo Alimentar tem a duração de dois anos. O primeiro ano (60 ECTS) corresponde à componente curricular e desenvolve-se em 2 semestres. O segundo ano (60 ECTS) é dedicado à preparação, realização e apresentação e defesa de uma dissertação/relatório de estágio com defesa oral da dissertação/relatório de estágio.

*O estudante deverá escolher unidades curriculares optativas até perfazer 10 ECTS. (para as uc's opcionais)

** O estudante deverá escolher uma das duas opções. (para as uc's do 2º ano)