Projeto de Investigação em Educação a Distância e eLearning
Código: 13033
Departamento: DEED
ECTS: 15
Área científica: Ciências da Educação
Total de horas trabalho: 390
Total de horas de contacto: 30

A uc de Projeto de Investigação em Educação a Distância e ELearning (PIEDEL) destina-se à elaboração do plano da tese a desenvolver. O doutorando desenvolve o projeto numa das áreas de conhecimento do Programa Doutoral, integrando e aplicando as competências de investigação adquiridas e desenvolvidas nas outras uc do plano curricular. , A participação em conferências orientadas por docentes internos e externos ao longo do curso, bem como a integração em grupos/comunidades de investigação das unidades I&D envolvidas, constituem também oportunidades de formação dos doutorandos. O projeto de investigação é objeto de defesa pública em provas específicas.

 

 

Estado da Arte; Questões de Pesquisa; Hipóteses; Metodologia; Análise de Dados; Projeto de Tese; Questões Éticas da Investigação.

Espera-se que, no final da UC, o doutorando seja capaz de:

– Formular um problema, as questões/hipóteses de investigação e os objetivos.

– Fundamentar a pertinência do problema.

– Caraterizar o estado da arte da problemática de investigação, procedendo à revisão da literatura e sistematização do conhecimento em questão.

– Selecionar e justificar os métodos, técnicas e instrumentos de análise de dados.

– Definir o plano de gestão de dados do Projeto de Tese.

– Descrever os modos de tratamento e análise de dados.

– Desenvolver um cronograma do trabalho a realizar.

– Explicitar as questões éticas a respeitar.

Tópicos programáticos

• Problema e questões ou hipóteses de investigação, e respetivos objetivos.

• Pertinência do problema, no âmbito da EDEL tendo em conta o alargamento do conhecimento na área.

• Revisão da literatura e sistematização do conhecimento.

• Métodos, técnicas e instrumentos de análise de dados adequados à procura de resposta ao problema de investigação.

• Procedimentos de tratamento e análise de dados.

• Questões éticas a respeitar no decurso da investigação.

Referências bibliográficas básicas

Brause, R. (2000). Writing Your Doctoral Dissertation. Routledge Falmer.

 

Anderson, T., & Kanuka, H. (2003). e-Research: Methods, Strategies, and Issues. Pearson Education.

Cooper, R., & Desir, C. (2010). Strategically reviewing the research literature in qualitative

research. Journal of Ethnographic and Qualitative Research, 4(2), 88-94.

 

Jankowski, N. W. (2009). E-Research: Transformations in Scholarly Practice. Routledge.

 

Simonson, M. (2005). Design-based research: Applications for Distance Education. Quarterly Review of Distance Education, 7.

 

O seminário desenvolve-se com base num plano de sessões de apresentação pelos doutorandos dos aspetos estruturantes do projeto de tese (PT). Estas sessões são orientadas pelos docentes do seminário escolhidos como supervisores da elaboração do plano de tese, em articulação com as atividades realizadas nos Seminários Avançados de Metodologia I e II.

No final do semestre, o PT resultante é discutido com uma comissão de avaliação constituída por dois docentes do programa doutoral e um docente externo, sendo objeto de defesa pública em provas específicas intercalares. A avaliação é feita com base: no trabalho realizado pelo estudante ao longo do seminário; na apreciação da comissão de avaliação sobre o PT apresentado e discutido na prova pública intercalar.

 A avaliação final nesta uc é expressa na escala de 0-20 com base em:

a) 50% para o plano de tese e percurso de trabalho na uc PIEDEL;

b) 50% para a prova de discussão pública.