História da Idade Contemporânea (Economia e Sociedade)
Cursos:
Código: 31035
Departamento: DCSG
ECTS: 6
Área científica: História
Total de horas trabalho: 156
Total de horas de contacto: 15

O programa desta Unidade Curricular tem como principais objectivos prioritários, proporcionar aos estudantes uma abordagem dos aspectos essenciais da sociedade portuguesa contemporânea, desde a transição do Portugal de Antigo Regime para o Portugal Monárquico-constitucional, passando pelos principais factores que marcaram o regime da I República e Estado Novo, peculiarmente no que toca às características e ao funcionamento da formação social portuguesa nestas épocas. Simultaneamente, pretende-se transmitir e desenvolver uma visão e crítica dos aspectos económicos e sociais que integram o processo histórico português do período em estudo.

Terminada esta unidade curricular, o estudante deverá ser capaz de:
• Distinguir as principais contingências nos campos: demográfico, económico e social no Portugal dos séculos XIX e XX;
• Desenvolver a capacidade de análise e de crítica sobre a produção historiográfica nestes domínios;
• Aplicar os conhecimentos necessários para a compreensão do processo histórico da sociedade portuguesa contemporânea;
• Desenvolver capacidades no domínio da pesquisa histórica, fontes e métodos.

I - O constitucionalismo monárquico (1820-1910)
• A Base Demográfica
• A Economia
• Política financeira
• A Sociedade
II - A Primeira República
• Evolução da População
• A Economia
• A Sociedade e as Instituições Sociais
III - O Estado Novo
• A Demografia
• Política ou políticas económicas do Estado Novo
• Elementos para uma História Social do Salazarismo (1933-1958)
IV - O Pós 25 de Abril: transformações sociais e económicas

História de Portugal, vols. V-VIII, dir. José Mattoso, Editorial Estampa, 1994).
LAINS, Pedro - Os Progressos do Atraso. Uma Nova História Económica de Portugal, 1842-1992, Lisboa, Imprensa de Ciências Sociais, 2003.
LAINS, Pedro  & Ferreira da Silva, Álvaro, (org.) - História Económica de Portugal. 1700–2000, 3 vols. Lisboa, Imprensa de Ciências Sociais, 2005.
Nova História de Portugal, vol. XI-XII, dir. Joel Serrão, Oliveira Marques, Lisboa, Editorial Presença, 1990/91.
REIS, Jaime - O atraso económico português em perspectiva histórica. Estudos sobre a economia portuguesa na segunda metade do século XIX. 1850-1930, Lisboa, Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1993.
ROSAS, Fernando & BRITO, José Maria Brandão de (Direcção de) - Dicionário de História do Estado Novo, 2 vols., Lisboa, Círculo de Leitores, 1996.
NOTA: Será ainda fornecida bibliografia complementar para cada ponto específico dos conteúdos da unidade curricular.

Esta unidade curricular é oferecida em regime de ensino online, através da utilização da plataforma Moodle, privilegiando-se a comunicação assíncrona.
Tendo como enquadramento do processo de ensino/aprendizagem uma permanente supervisão online, os alunos elaboram as tarefas propostas pelo docente, apresentando trabalhos, recensões críticas, relatórios, protocolos, etc., que serão objecto de avaliação e/ou classificação.

O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre lectivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respectivamente, 40% e 60% na classificação final.
Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.

Recomenda-se que os estudantes tenham acesso a um computador com ligação à Internet e endereço de correio electrónico.
Esta unidade curricular é leccionada em língua portuguesa.
O trabalho somativo é disponibilizado na plataforma de e-learning, devendo os estudantes que ainda não se inscreveram na plataforma, proceder a essa inscrição. Para este efeito, os estudantes devem aguardar o envio, pela Equipa de Coordenação do Curso de História, de uma Circular com normas detalhadas sobre esse processo.