História Cultural e Artística Francesa
Código: 51163
Departamento: DH
ECTS: 6
Área científica: Sem Área Cientifica
Total de horas trabalho: 156
Total de horas de contacto: 15

A unidade curricular, subintitulada “Arte e poesia do Romantismo às vanguardas do séc. XX”, propõe uma panorâmica da história cultural e artística francesa do Romantismo ao Surrealismo. Optando por uma metodologia comparatista, centrar-se-á na relação entre as artes plásticas e a poesia, através dos movimentos estéticos e orientações literárias mais marcantes do período que se estende do início do séc. XIX ao primeiro quartel do séc. XX.

Literatura Francesa
Romantismo
Simbolismo
Surrealismo

No final desta Unidade Curricular o estudante deverá ser capaz de:
- identificar os movimentos estéticos e seus momentos chave na cultura europeia e francesa da primeira metade do séc. XIX às vésperas da II Guerra Mundial
- entender o conceito de Vanguarda
- apreender o permanente diálogo da Literatura e da Arte com a História e a sociedade a partir das obras propostas
- analisar criticamente documentos literários e pictóricos, utilizando uma metodologia comparatista e uma terminologia adequada

1. O Romantismo

2. Baudelaire e o Simbolismo

3. Arte e Vanguarda

Obras
APOLLINAIRE, Guillaume − Alcools. Choix de poèmes. Paris: Larousse, 1970 (ou outra edição em "Livre de Poche")
APOLLINAIRE, Guillaume − Mais Novembro do que Setembro. Trad. Maria Gariela Llansol, Lisboa, Assírio e Alvim (obra que compila os títulos Álcoois, Bestiário e Vitam Impendere Amori).
APOLLINAIRE, Guillaume – O século das nuvens. Versões de Jorge Sousa Braga. Lisboa: Assírio e Alvim, 2007.
BAUDELAIRE, Charles − Les Fleurs du Mal et autres poèmes. Paris: Flammarion, 1981 (ou outra edição em "Livre de Poche")
BAUDELAIRE, Charles − As Flores do Mal − Trad. João Moita. Prefácio de Paul Valéry. Lisboa: Relógio d’Água, 2020. (edição bilingue)
Poetas franceses do século XX. Org. e trad. José Lino Grünewald. Rio de Janiero: Ed. Nova Fronteira, 1991.(edição bilingue)
Estudo
MONTEIRO, Ofélia ; OLIVEIRA, Cristina Cordeiro. Literatura Francesa Moderna e Contemporânea. Lisboa: Universidade Aberta, 1991 (capítulos disponibilizados na UC)

Outros recursos a serem indicados e disponibilizados no decurso do semestre.

E-learning

O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (g-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.