Diversidades Culturais
Código: 42002
Departamento: DCSG
ECTS: 7
Área científica: Antropologia
Total de horas trabalho: 195
Total de horas de contacto: 32

Nesta unidade curricular pretende-se compreender como foi variando ao longo da história uma das dicotomias fundamentais da nossa civilização: natureza / cultura. Nesse sentido, analisar-se-á como se constituíram as ciências sociais face a esta dicotomia: o mesmo e diferente, a sua hierarquia e ainda como, a partir desta dicotomia, se foram elaborando diversos tipos de exclusões. Por fim, analisar-se-á também como funcionam as práticas culturais e artísticas atravessadas pelas diferenças de género, de etnicidade, de classe e de geração, de modo a permitir a compreensão da diversidade social dessas práticas, nomeadamente: a cultura oral e a cultura escrita; as práticas culturais e o género; as práticas culturais e o quotidiano, e ainda as culturas juvenis.

 

Natureza
Cultura
Identidade
Exclusão

No final desta unidade curricular o/a estudante deverá ser capaz de:
• compreender e contextualizar conceitos fundamentais, nomeadamente cultura, etnocentrismo, relação, identidade;
• refletir de forma crítica sobre a relação entre culturas e a diversidade das suas práticas culturais;
• articular os conceitos adquiridos em diversos contextos sociais de intervenção.

1. Natureza/s e cultura/s
2. O próximo e o distante nas ciências sociais (sociologia e antropologia).
3. A ideia de exclusão na sociedade contemporânea (género, etnicidade, classe, geração).
4.Diversidade social das práticas culturais

Cuche, D., A noção de cultura nas ciências sociais, Lisboa: Fim de Século, 1999.
Iturra, R., “Trabalho de campo e observação participante em Antropologia” in Augusto Santos Silva e Pinto, José Madureira (orgs), Metodologia das Ciências Sociais, Porto: Afrontamento, 1990.
Lenoble, R. - Esquisse d' une histoire de l' idée de nature, Albin Michel, 1969 (existe versão portuguesa).
Memmi, A., O racismo, Lisboa: Caminho, 1993.

Regime de blended learning: componente presencial de 6h, sendo o restante curso ministrado online, com recurso a uma plataforma de e-learning.

A avaliação tem caráter individual e implica a coexistência de duas modalidades: avaliação contínua (60%) e avaliação final (40%). Essa avaliação será desenvolvida na aplicação de formas diversificadas, definidas no Contrato de Aprendizagem da unidade curricular.